Saiba a importância da urinálise

A urinálise é o famoso exame de urina, que possui grande importância para avaliar a função renal. Por meio desse exame não invasivo, é possível diagnosticar diversas patologias, monitorar o progresso das doenças, acompanhar a eficácia do tratamento e, ainda, descobrir a cura.

 

O procedimento é feito através da coleta de urina do paciente e é utilizado quando há sintomas demonstrados de doenças renais, como dores abdominais, nas costas, micção frequente ou dolorosa e sangue na urina.

 

O exame de urina é dividido em três etapas:

 

– Primeiramente, são analisadas as características gerais da urina, como volume, cheiro e coloração.

– Na segunda etapa, é feita a pesquisa química na urina, ou seja, a pesquisa de elementos anormais.

– A última etapa consiste na sedimentoscopia, que corresponde ao exame microscópico da urina.

 

 

Coleta da amostra

 

Na coleta da urina, devem ser tomadas todas as assepsias determinadas para obtenção de um exame correto. Portanto, é importante estar bem informado sobre a maneira adequada para isso. Em quase todos os laboratórios de análises clínicas, algumas regras são tomadas, como o fornecimento de frascos limpos e secos. Após a coleta, o recipiente deve ser entregue ao laboratório para que seja analisado. O prazo é de seis horas. Se a amostra não puder ser analisada dentro do prazo, deve ser refrigerada.

 

Os exames mais comuns realizados na urina são:

 

  • Urinálise, uranálise, análise sumária de urina, urina tipo II ou EAS.
  • Bacterioscopia e urocultura.
  • Teste de gravidez.
  • Clearence de Creatinina ou Depuração de Creatinina.
  • Dosagem do Ácido Vanilmandélico (VMA).
  • Triagem para doenças metabólicas herdadas.
  • Dosagens bioquímicas como sódio, potássio, glicose, proteínas, microalbuminúria, cálcio e fósforo.
  • Toxicologia e análise forense.

 

Apesar de ser um exame simples, a urinálise tem grande eficácia, pois é capaz de detectar vários distúrbios no organismo. Mas para um diagnóstico mais complexo, é importante incluir outros exames, como o visual, o químico e o microscópico.