Dezembro Vermelho: mês da prevenção à Aids   

Dezembro Vermelho: mês da prevenção à Aids  

O mês de dezembro marca a importância da conscientização e do combate à Aids. A intenção das ações durante o Dezembro Vermelho é informar e combater os preconceitos e os tabus envolvidos no assunto. Afinal, quando se fala de saúde, todas as barreiras devem ser superadas.

Em razão da importância de se abordar a doença, a Organização Mundial da Saúde (OMS) instituiu a data no calendário, e o dia 1º de dezembro é considerado o Dia Mundial de Combate à Aids.

 

O simbolismo do laço vermelho

Em razão de sua ligação com o sangue e por simbolizar a paixão, o laço vermelho foi eleito como a imagem representativa do combate à Aids. A ideia surgiu a partir das ações de um grupo de artistas de Nova Iorque, em 1991.

Desde então, o laço vermelhou passou a representar no mundo inteiro a conscientização na prevenção à Aids.

 

Entendendo a Aids

Essa doença afeta de maneira bastante agressiva o sistema imunológico humano. Ela é causada por uma infecção pelo vírus da imunodeficiência humana (HIV).

A Aids é, assim, o efeito dessa contaminação em um estágio bem desenvolvido, podendo levar à morte, em virtude do enfraquecimento de nossos mecanismos de defesa.

Isso quer dizer que nem toda pessoa que contraiu o HIV (paciente soropositivo) é portadora de Aids. Existem tratamentos com medicamentos antirretrovirais que inibem a replicação do vírus.

 

Como o HIV é transmitido?

Os indivíduos soropositivos podem transmitir o HIV para outra pessoa por meio de diferentes situações. Por isso, é essencial que todos se atentem às formas de infecção pelo vírus:

  • Relações sexuais desprotegidas;
  • Transfusão de sangue contaminado;
  • Contato com objetos cortantes não esterilizados;
  • Transmissão vertical (de mãe para filho, durante a gravidez ou a amamentação).

 

Prevenção e diagnóstico da Aids

A principal ação de prevenção ao HIV é o uso de preservativos durante as relações sexuais. Com isso, previne-se não apenas a Aids, mas também diversas outras Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs).

A testagem periódica para Aids por meio de exames laboratoriais é essencial no diagnóstico precoce do vírus no organismo. Assim, aumentam-se as chances de controle da doença, além de evitar a transmissão.

O teste de HIV é realizado a partir de coleta de sangue ou de demais fluidos corporais analisados em laboratório. Alguns testes rápidos podem fornecer resultados em apenas meia hora. Seja qual for o método de diagnóstico, é essencial realizar a testagem com frequência e, claro, certificar-se de tomar as medidas de prevenção.

 

Para realizar os seus exames laboratoriais com toda a segurança e conforto, venha ao Laboratório Júlio Vargas. Aqui, você é sempre atendido com a segurança e a eficiência que apenas nós oferecemos a você. Entre em contato conosco!